Something about nothing with a little of anything…

26/05/2009

Sem título 3 XD

Filed under: Uncategorized — Ana Cláudia @ 12:46

Eu sei que blog não é diário, mas me rendo mais uma vez à tentação de me expressar aqui. Sim, este texto deveria ser sobre magia. Mas eu disse que talvez eu mudasse de idéia XD e escrevesse sobre outra coisa. Pois bem, o fato é que eu ainda não sei muito sobre o assunto e não querendo falar bobeira deixo pra falar de magia quando souber um pouco mais.

Ontem indo embora pra casa depois da “aula” me caiu a ficha sobre uma coisa. Estava eu lembrando que hoje teria que dar aulas para as crianças (1 da 1ª série, 2 da 2ª e 1 da 7ª, eu acho – a primeira aula com essa pessoa vai ser daqui a pouco). E digamos que esse não é o tipo de coisa que me deixa muito feliz. Não está muito perto de ser meu hobby ensinar crianças. Mas depois de alguns momentos de martírio pensando em como eu não gosto de fazer isso, me lembrei dos professores da faculdade que não dão muita bola quando a gente precisa deles. E então eu pensei “‘putz’ É fácil ter raiva dos experientes que se negam de certa forma a ajudar na formação dos mais jovens, mas é mais fácil ainda não querer ajudar negar ajuda”. É algo como “É fácil pedir ajuda ao irmão mais velho e não ter paciência com o mais novo”. Só um “irmão do meio” pode entender isso. Depois pensei “É bem incoerente, contraditória (e/ou alguma outra palavra que eu não sei qual é, afinal às vezes pensamos e sentimos coisas que não podemos nomear) essa minha postura de quase detestar ensinar as crianças”.

É estranho tentar explicar o pensamento Oo. Foi difícil escrever sobre esses três (e quatro com o que vem a seguir!)!

Você pode pensar, assim como eu já pensei muitas vezes, “mas as crianças são tão desinteressantes!”. E eu te diria: “Sim meu amigo (a), mas se você for esperar para conversar apenas com quem for interessante, dependendo do caso, pode ser que você passe dias mudo (a).”

Enquanto pensava em todas essas coisas, essas “recentes descobertas”, eu tive a idéia de escrever sobre isso no blog com a intenção de chamar a atenção das pessoas sobre mais esse ponto do nosso cotidiano tão batido.

Só para não perder completamente o costume, fecho meu texto de hoje com um trecho do livro “A bruxa de Portobello” que na minha opinião em algum ponto está relacionadoimages à arte de ensinar, que às vezes acontece de forma tão medíocre.


“E esses culpados, que não dizem seus nomes, será que
têm consciência de seus gestos? Penso que não, porque eles
também são vítimas da realidade que criaram — embora sejam
depressivos, arrogantes, impotentes e poderosos.”

Anúncios

1 Comentário »

  1. o/ bom texto!!!!!!!!
    XD mas facil de entender realmente… u.u mas ainda gostos dos antigos… srsrsrrs
    u.u realmte é mais facil agente botar defeito que faser…
    ¬¬ mas continuarei achando fraco o ensino dos professores meus…. XD e aproveitando enquanto ainda não estou dando aula.. srsrrss

    Comentário por anacaroco — 26/05/2009 @ 23:09 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: